jump to navigation

Teclando com Coordenador da CTAE 08/02/2009

Posted by ctaeseducpa in Uncategorized.
trackback

Avançar na luta e aprender com as críticas…

É verdade que com a posse, em 2007, do governo popular, a informática educativa tomou novos rumos. O Programa Nacional de Informática na Educação ( PROINFO) passou a ser prioridade do novo governo e uma de suas primazias passou a ser a formação de educadores(as) para a utilização das chamadas novas tecnologias nas escolas. Implementamos, ainda, o Curso de Formação em Mídias na Educação (parceria com MEC/UFPA/UNDIME) com a participação, de algo em torno, de dois  mil educadores das redes estadual e municipal de ensino. Aliás, o Estado do Pará foi o segundo estado da federação com maior número de inscritos.

Terminamos o ano de 2008 com mais de três mil professores(as) formados pelos nove Núcleos de Tecnologias Educacionais (NTEs) do Estado do Pará, que passaram por um processo de revitalização, fortalecimento e ampliação do número de profissionais lotados nos núcleos tecnológicos. Houve, também, em alguns casos, o aumento do número disponíveis de computadores para formação de professores(as). Uma conquista mais recente foi o reconhecimento da relevância da gestão democrática e a implantação da eleição direta nos núcleos que passam a escolher democraticamente os seus coordenadores(as).

Mas apesar de nossos avanços é preciso reconhecer que temos muitos problemas por resolver. Temos núcleos que apresentam problemas de infraestrutura, o que dificulta o atendimento aos professores(as); outros que precisam avançar e amadurecer a discussão sobre o papel dos NTEs e como deve acontecer sua relação pedagógica com as escolas ou com a própria CTAE.

Em relação a situação das salas de informática o governo popular tem, apesar das dificuldades, priorizado seu funcionamento pedagógico. Professores(as) passaram a ser lotados nos ambientes pedagógicos e a portaria de lotação foi revista, permitindo a lotação de educadores com carga horária de 150 e 125 horas (turno da noite), assegurando todas as vantagens do magistério. Hoje, dentro de suas possibilidades, os NTEs têm assessorado as atividades realizadas nas salas de informática e os resultados começam a aparecer.

A implementação do Programa de Escola de Portas Abertas (EPA) propiciou a abertura das salas de informática para incluir milhares de paraenses, que agora têm cursos gratuitos de informática nos finais de semana. Criamos, ainda, O Projeto de Aluno Monitor, que está em fase de implementação e será executado e acompanhado pela Coordenação de Inclusão Digital do EPA, com recursos que foram remanejados do orçamento da CTAE para /DEDIC/SAEN.

Temos acompanhado o ressurgimento da vida pedagógica nas salas de informática da rede estadual de ensino. São inúmeros os projetos educacionais implantados em 2008 nas escolas e muitos deles estão se propondo a resolver problemas relacionados ao ensino e a aprendizagem, com a utilização inovadora das tecnologias disponíveis nas escolas. Educadores(as) têm aprendido a utilizar a internet para construir conteúdos e os blogs têm sido a ferramenta mais utilizada. Foi instituído, pelo NTE_Belém, o I Concurso de Blogs da Região Metropolita de Belém, que a CTAE apoia e trabalha para que se torne um evento estadual, articulado com todos os núcleos de tecnologias do Estado.

Mas estamos muito longe de atingir o padrão de infraestrutura de excelência para salas de informática. Precisamos, também, avançar na qualidade do projeto pedagógico implementado nos ambientes pedagógicos, bem como sermos mais ágeis na resolução de problemas de suporte técnico e no cumprimento dos prazos de entrega das salas de informática.

Precisamos reconhecer os avanços, as conquistas de nosso governo, mas necessitamos, ainda, aprender a escutar as críticas que as escolas, professores(as) e alunos(as) fazem à implementação das políticas públicas de informática implantada pela SEDUC, através da CTAE.

A crítica é salutar e nos ajuda a compreender os problemas que as escolas enfrentam e, em alguns casos, nos mostra como a burocracia estatal está tão distante das unidades escolares. Se a burocracia fosse refundada, poderia agilizar processos em função dos objetivos educacionais das escolas e não a partir de seus próprios interesses. A burocracia tem que funcionar a favor e não contra as escolas.

Como não sou refratário às criticas recomendo a leitura do blog da Escola Estadual do Outeiro, que é um relato das dificuldades que nossas escolas enfrentam, mas é, também, uma demonstração clara de que uma outra educação pública é possível. Acesse Aqui!!!!

Saudações Cordiais

Luís Cavalcante

(Coordenador CTAE)

FRASE DO DIA

A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade.
A dor é inevitável. O sofrimento é opcional.

Carlos Drummond de Andrade

Você precisa criar um blog para divulgar o que está acontecendo em sua URE, USE ou Escola.

Seus problemas acabaram. Conheça a ferramenta livre WordPress!!!

wordpress


Comentários»

1. Silene Faro - 09/02/2009

Olá, que bom que agora temos este canal de comunicação, vcs estão de parabéns pela criação de espaço! Sou coordenadora da sala de informática da Escola Edmundo Queiroz e agora tenho como buscar respostas mais rápidas sobre este ambiente na escola. Desde já peço desculpas, mas vou estar sempre aqui perguntando, questionando, por exemplo, por que até agora em nossa sala só há dez computadores com Internet? São 21 computadores ao todo. Já solicitei ao técnico (…..) várias vezes que verificasse isso, mas até agora…..
Gostaria tb de divulgar o endereço do blog da escola: http://pjedmundoqueiroz.blogspot.com
Abraços

ctaeseducpa - 09/02/2009

Achei muito interessante o blog da Escola Edmundo Queiroz.
Coloquei-o como link do blog da CTAE.
Enviei sua solicitação referente a manutenção da Sala de Informática para Danielle Barros
(danielle@seduc.pa.gov) responsável pelo Suporte Técnico da SEDUC
Parabéns

Valeuuu!!!!!!!!!

2. Ariosvaldo Soares - 10/02/2009

Interessante,
Pois,Os sistemas público de ensino tem que realmente possibilitar, apesar das dificuldades, o acesso as novas tecnologias.
Abraços Ariosvaldo

3. Sidna Costa - 10/02/2009

Estamos precisando sempre de pessoas incentivadoras em nosso ambiente de trabalho.É bom termos mais esse contato, mesmo que seja virtual, pois a comunicação é necessária em todos os aspectos. Segundo Tom Rath(1975),incentivadores são grandes motivadores, que sempre impelem você em direção à linha de chegada. Investem no seu desenvolvimento e possuem um interesse genuíno no seu sucesso, mesmo que isso signifique correr riscos por você.
Abraços

4. Jamille - 10/02/2009

Fazer uma análise de sua trajetória, tendo orgulho de demonstrar as conquistas e a humildade de reconhecer as limitações são virtudes difíceis de serem encontradas reunidas em uma pessoa, quanto mais em uma instituição pública. Isso só reforça a idéia de que estamos com o leme em boas mãos. Agora é utilizar o exemplo de Outeiro e fazer acontecer, com os recursos que temos disponíveis, somando forças um com o outro, sem desistir de brigar pelas condições ideais.

5. Márcio Ribeiro (NTE_Marabá) - 17/04/2009

Interessante as colocações do professor Cavalcante, importante é ressaltar que no mundo vivemos uma nova fase quanto às implementações dos laboratórios, o que antes os professores e alunos (a comunidade escolar em geral) cobravam era que os computadores eram defasados, e quanto tinham os mais novos não tinham internet, isso mudou, agora temos equipamentos bons, internet alcançando toda rede escolar e com velocidades antes nunca vistos, profissionais lotados nos espaços pedagógicos, cursos de aperfeiçoamento aos docentes para se integrarem mais às mídias. E o que falta agora? É a nossa consciência que nos acusa ou nos livra, espero nos acusar de que somos muitas vezes omissos com até mesmo nosso papel de educador e acredito que seremos “livres” não apenas por quê o software é, mas por adotamos uma educação libertadora.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: