jump to navigation

Formadores e poetas… 23/06/2009

Posted by ctaeseducpa in Uncategorized.
trackback

Oficinas de blogs, a “semente” foi lançada.

Nesta semana, (22 a 26/06) está ocorrendo uma segunda edição da oficina de blogs, desta feita além dos professores os alunos também foram incluídos. A primeira oficina (feita com os professores de sala de informática) foi um sucesso, pois vimos que os novos blogueiros ficaram estusiasmadíssimos com este recurso a mais para sua interação com a comunidade escolar e com outras escolas deste município. A sementinha foi lançada, bem sabemos que para a plantinha se desenvolver além de cair em terra boa e fértil, nada melhor do que água para ver esse desenvolvimento ser mais eficaz (por que não dizer mais belo). Notamos que temos alguns professores que não basta apenas água, mas se faz necessário um “adubo” para tentar fortalecer mais essa plantinha que está crescendo, e no nosso NTE temos tentado aplicar um pouco desse adubo com as “oficinas de blog”, para não deixar morrer o que seria uma bela árvore (esperamos que sejam assim os blogs), que no devido tempo irá dar frutos e desses frutos depois de tiradas novas sementes, serão lançadas em mentes e corações férteis prontos para começarem o novo e maravilhoso ciclo da vida em nosso caso do conhecimento, interação, compartilhamento.
Parabéns aos professores que estão interessados em dar o melhor de si para a sua comunidade e compartilhar suas novidades e aprendizado com outras através de seus blogs, e parabéns aos alunos que estão participando trazendo alegria e entusiasmo a todos. Parabéns à equipe do NTE pelas oficinas e por conduzirem essas sementinhas até seu estágio de maturidade.

Frutos da 1ª oficina de blogs:

http://amazoniaconhecerparapreservar.blogspot.com/
http://umolharsobremaraba.blogspot.com/
http://projetosmirian.blogspot.com/

Profº: Márcio Ribeiro é formador  do NTE-Marabá

Comentários»

1. José Francisco de Souza - 15/08/2009

POETA ZÉ DE LOLA disse…

POETA ZÉ DE LOLA:

POESIA:
CONVERSANDO COM OS PÁSSAROS.

I
Mim diga o motivo
Conseqüência ou razão
Algum crime eu pratiquei?
Ou serei algum ladrão?
Se não sou um delinquente
Mim diga aí seu demente
Por que estou na prisão?
II
Existem organizações
Pra cuidar dos animais,
Mas permite uma licença
Veja só o que se faz
Você paga um tostão
O bicho vai pra prisão
Não se solta nunca mais.
III
Não há motivo qualquer
Que possa justificar
Tirar nossa liberdade
Que a natureza nos dá
É uma grande covardia
Praticada dia a dia
Quando isso vai parar?
IV
Ninguém por preço nenhum
Quer que viver engaiolado
Até mesmo um criminoso
Contrata um advogado
Pra fazer sua defesa
E às vezes com sutileza
Ele sol um culpado.
V
“Coloque-se” em nosso lugar
Use sua consciência
Fique preso numa gaiola
Faça uma experiência
Pra burrice tem limite
Por que você não admite
Essa sua incoerência?
VI
O pássaro vive feliz
Em seu habitat natural
Os homens ignorantes
Que gostam de fazer mal
Tira sua liberdade
E esta imbecilidade
Eles acham que é normal.
VII
Se eu fosse funcionário
Da defesa ambiental
Ficaria muito triste
Por ver como é natural
O crime que é praticado
Como está sendo depredado
O nosso reino animal.
VIII
Oh! Como seria bom
Que o homem se ligasse
Respeitasse a diferença
Que existe em outra classe
Depredar a natureza
É uma indelicadeza
Seria bom que mudasse


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: